19 3869.6161   •   vendas@origembr.com.br
suporte   •      

Alguns impostos foram prorrogados, mas é melhor descomplicá-los já!

Dinheiro, Fiscal, Obrigações, Taxas, Impostos

Sua empresa está preparada?

Recentemente, o governo federal anunciou que os prazos para o pagamento de alguns impostos foram prorrogados por conta da emergência de saúde causada pelo novo coronavírus. Tributos e contribuições como PIS/Pasep e Cofins tiveram seus vencimentos adiados e o recolhimento do FGTS também foi prorrogado, podendo ainda ser parcelado em até 6 vezes.

No entanto, existem algumas regras. Para usufruir do benefício do adiamento do FGTS, por exemplo, a empresa continua obrigada a declarar, até o dia 7 de cada mês, todas as informações no eSocial, além de emitir a guia do DAE (Documento de Arrecadação). Aqueles que não cumprirem esse prazo poderão declarar as informações ao FGTS até 20 de junho de 2020, impreterivelmente, pois, do contrário, receberão multas e encargos.

Apesar do alívio momentâneo que a prorrogação de impostos poderá dar aos caixas, alguns especialistas, como Francisco Nogueira de Lima Neto, tributarista e sócio do escritório Gasparini, Nogueira de Lima e Barbosa Advogados, chamam a atenção para o fato de que as empresas ainda terão que pagá-los em um futuro próximo e, quando os novos prazos chegarem, haverá sobreposição com outros vencimentos do período. 

A prorrogação de impostos se soma ao nosso já complicado sistema de tributações, portanto, para evitar que o caixa da sua empresa sofra com o acúmulo de tributos, é importante começar a se organizar para os novos vencimentos desde já. Ter que encarar isso agora só acrescenta mais um problema na pilha de outros que a crise do novo coronavírus já está causando para a esfera empresarial, e é por isso que usar um sistema de gestão que auxilie na organização e apuração dos impostos, como um ERP, é fundamental para os seus negócios neste momento.

O sistema Easy ERP, por exemplo, centraliza a escrituração fiscal, faz a importação de notas de fornecedores, gera relatórios e livros fiscais e ainda conta com ferramentas que permitem gerar os arquivos do SPED (EFD Fiscal/Contribuições). Com isso, sua empresa pode automatizar vários processos e garantir a precisão dos dados ao mesmo tempo em que economiza tempo, funcionários e, consequentemente, dinheiro. É a saída perfeita para garantir a saúde financeira da empresa, o pagamento dos tributos em dia e ainda ter tempo de focar na solução de outros problemas.

Por conta do novo coronavírus, estamos vivendo momentos delicados para o mundo empresarial, e a prorrogação de impostos é uma medida que vem para tentar ajudar, no entanto, começar a descomplicá-los e organizá-los agora mesmo é a melhor forma de evitar problemas futuros.

Deseja realizar um orçamento ou tirar alguma dúvida sobre nossos serviços? Preencha seus dados abaixo que entraremos em contato o mais breve possível!

Preencha o campo nome. Preencha o campo whatsapp.
Preencha o campo e-mail.