19 3869.6161   •   vendas@origembr.com.br
suporte   •    

Update Easy ERP [2019.6]

Update Easy ERP [2019.6] Liberado em 29/05/2019

Cálculo da Partilha para o estado do "Espírito Santo" agora é o mesmo cálculo de MG, conforme definido em nosso Cálculo DIFAL Partilha do ICMS - Modelo 2.

Exemplo da partilha para o "ES":

  • Produtos = R$ 1.500,00
  • IPI 15% = R$ 225,00
  • Base de Cálculo UF Origem = (Produtos + IPI) / ICMS Estado
    • (1500 + 225) / 17%
    • 1725 / 0,83 = R$ 2.078,31
  • Valor ICMS UF Origem = BC UF Origem * ICMS Operação
    • 2078,31 * 4% = R$ 83,13
  • Valor do Diferencial do ICMS = BC UF Origem * (ICMS Estado - ICMS Operação)%
    • 2078,31 * (17 - 4)% = R$ 270,18
  • Valor do Diferencial do ICMS - UF Origem (0%)
    • 270,18 * 0% = R$ 0
  • Valor do Diferencial do ICMS - UF Destino (100%)
    • 270,18 * 100% = R$ 270,18
  • FCP = R$ 0,00

Lembrando que a operação precisa ser para consumidor final (Ativo Fixo), não contribuinte de ICMS (6108).


 

Informação da tag vIPIDevol para empresas "contribuintes" do IPI:

Alterações no envio da tag

Devolução de notas fiscais.

  • O sistema agora passa essa tag apenas em empresas que não são "indústria ou equiparada":
    • Utilitários > Preferências do sistema > aba 'Gerais' > grupo 'Fiscal' > Empresa é uma indústria ou equiparada a indústria
    • Caso esteja marcada, o sistema deixa de mandar o IPI nas tags de e passa a enviar o IPI nas tags normais do grupo .

 

Adequações nas informações das tags de "combustíveis" na emissão da NF-e:

Novo grupo "Combustíveis" no cadastro de produtos

Produtos > Alterar > aba 'Produção, Promocional e Outros' > Combustíveis

Criamos novos campos relacionados as tags de combustíveis:

  • GLP % (pGLP_LA03a);
    • Percentual do GLP derivado do petróleo no produto GLP (cProdANP=210203001), ou seja, informar em número decimal o percentual do GLP derivado de petróleo no produto GLP. Valores de 0 a 100.
  • GNn % (pGNn_LA03b);
    • Percentual de Gás Natural Nacional – GLGNn para o produto GLP (cProdANP=210203001), ou seja, informar em número decimal o percentual do Gás Natural Nacional – GLGNn para o produto GLP. Valores de 0 a 100.
  • GNi % (pGNi_LA03c);
    • Percentual de Gás Natural Importado – GLGNi para o produto GLP (cProdANP=210203001), ou seja, informar em número decimal o percentual do Gás Natural Importado – GLGNi para o produto GLP. Valores de 0 a 100.
  • Essa tags são obrigatórias quando o "Código ANP" do produto é igual a "210203001".
  • Também é obrigatório que a unidade de medida do produto seja "KG" (Rejeição 854: Unidade Tributável (tag: uTrib) incompatível com produto informado);

Emissão da NF-e

  • Ao emitir uma NF-e o sistema irá preencher essas tags conforme o informado no cadastro do produto. Além disso o sistema também envia a tag "vPart_LA03d" informando o valor unitário do produto.
  • vPart_LA03d: Valor da "Partida". Deve ser informado nesse campo o "valor" por quilograma (sem ICMS).
    Rejeição 856: Campo valor de partida não preenchido para produto GLP

 

Log de eventos, obsolescência de produtos:

Novas funções salvas pelo "Log de eventos":

Utilitários > Log de Eventos

Adicionamos novas rotinas que serão registradas pelo "Log de eventos":

  • Obsoletar Item;
    • Produtos > Opções Cadastro > Obsoletar Item
  • Ativar Item Obsoleto.
    • Produtos > Opções Cadastro > Ativar Item Obsoleto

 


 

Alteração da tela de cadastro de moedas e cotações:

Alteração no cadastro de "Moedas e Cotações":

Menu 'Cadastros' > Moedas e Cotações

Fizemos uma completa alteração nessa tela.

  • Reorganização dos dados exibidos em uma grade de moedas (mestre) e uma de cotações (detalhe);
  • Os componentes de acesso ao banco de dados desta tela são independentes dos que existem no data module de propostas, para que as rotinas do sistema que consultam as cotações não sejam afetadas;
  • Ordenada a grade da cotação da data mais recente para a mais antiga;
  • Permitido ao usuário pesquisar as cotações por Data.

 

Criamos uma rotina para bloquear a escrituração de notas que não sejam destinadas a empresa.

Ao escriturar uma nota de terceiros, travar a captura do XML caso o 'CNPJ' do destinatário seja diferente dos 'Dados cadastrais' da empresa:

  • Ao tentar capturar o XML de uma nota de entrada, o sistema validará se o CNPJ do destinatário, informado no XML, é o mesmo informado nos Dados cadastrais da empresa.
    • Caso contrário, o sistema exibirá uma mensagem e impedirá que o usuário continue a operação.
    • O CNPJ do destinatário desta nota (04491788000137) não é o CNPJ cadastrado para sua empresa no sistema. Operação cancelada...
  • Obs.:
    • Essa validação ocorrerá na tela de Captura XML NF-e, portanto, ocorrerá tanto no caso do usuário selecionar um XML manualmente como baixar através da tela de notas destinadas.

 

Alterações nas regras para suspensão de pedidos de venda.


Novo .KND criado para controlar a suspensão do pedido de vendas quando há produtos alocados.

KND: BLOQPVSUSALOC.KND

Pedido de Vendas > clique direito no PV > Alterar Status > "Marcar Status como Suspenso"

  • Quando esse ".KND" existir na pasta "Programas":
    • Se for selecionado um pedido de vendas em aberto, com um ou mais itens alocados, o sistema irá bloquear a operação e mostrar um aviso ao usuário para que ele "desaloque" os itens e tente novamente.
    • O sistema só vai bloquear os PVs criados na Matriz, isso porque quando é um PV vindo de "Filial" a "alocação" dos itens vem apenas como informação, esse tipo de PV é alocado direto na Filial e depois enviado para a Matriz.
  • Quando o ".KND" não existir:
    • O sistema continua permitindo a suspensão do pedido de vendas independente da situação dos itens.

 

Melhorias na rotina de emissão de notas fiscais:

Tela "Opções para emissão de nota fiscal":

  • Melhorias na interface:
    • Reorganização de campos na tela com agrupamento por afinidade;
    • Aumento do tamanho da tela e espaçamentos.

Tela "Emissão de NF-e":

  • Rotina que marca o registro da NF como "Denegada";
  • Rotina que atualiza o campo REALIZADO da tabela de eventos financeiros do registro relacionado ao PV;
  • Rotina que atualiza o campo CODFORN da P0LES quando o lançamento é originado por uma nota de devolução;
  • Rotinas que alimentam a tag "xPais_E15" quando o código do país do cliente é diferente de 1058 (Brasil);
  • Rotinas que utilizam dados cadastrais da empresa como "CNPJ", "Código IBGE do município", "nome fantasia", "código e descrição de serviços", etc;
  • Melhorias na interface:
    • Criação de novo painel de status do envio da NF-e.
      Neste painel é possível acompanhar facilmente cada etapa da emissão da nota fiscal: Teste de conexão com a SEFAZ, Geração do XML, Assinatura do XML e Envio do XML (com retorno da consulta da NF-e na SEFAZ).
    • Reorganização de campos e outras mudanças visuais.

Códigos de rejeição X tratamento dado pelo sistema:

205, 301, 302, 110 - Nota denegada

  • No painel de status do envio:

Erro: 
Código: XXX
Motivo: retornado pela SEFAZ na tag
Texto disponível no arquivo RejeicaoNfe.CSV

  • Na mensagem de erro:

A nota foi rejeitada pela SEFAZ. 
Código: XXX
Motivo: retornado pela SEFAZ na tag
Texto disponível no arquivo RejeicaoNfe.CSV

  • A nota fiscal é salva no cadastro de notas fiscais

656 (consumo indevido), 204 (duplicidade) e 539 (duplicidade de NF-e com diferença na chave de acesso)

  • No painel de status do envio:

Erro: 
Código: XXX
Motivo: retornado pela SEFAZ na tag
Texto disponível no arquivo RejeicaoNfe.CSV

  • Não há mensagem de erro
  • A nota fiscal é salva no cadastro de notas fiscais

Outros códigos de rejeição

  • No painel de status do envio:

Erro: 
Código: XXX
Motivo: retornado pela SEFAZ na tag
Texto disponível no arquivo RejeicaoNfe.CSV

  • Na mensagem de erro:

A nota foi rejeitada pela SEFAZ. Código: XXX
Motivo: retornado pela SEFAZ na tag
Texto disponível no arquivo RejeicaoNfe.CSV

  • A nota fiscal NÃO é salva no cadastro de notas fiscais

Sobre o arquivo RejeicaoNfe.CSV

Este arquivo foi atualizado e agora conta com 3 colunas em sua estrutura:

  • Código
  • Descrição
  • Texto
    Esta última coluna contém o texto usado pelo sistema como "dica" para o usuário sobre como proceder para resolver a causa da rejeição.

Preenchemos esta coluna no arquivo padrão para diversos erros.

  • 204;
  • 206;
  • 216;
  • 217;
  • 218;
  • 225;
  • 254;
  • 255;
  • 267 a 298;
  • 405 e 406;
  • 420;
  • 450;
  • 451;
  • 503 a 545;
  • 548 a 551;
  • 554;
  • 556 a 564;
  • 772 e 773;
  • 805;
  • 872;
  • 696;
  • 761;
  • 806;
  • 694 a 699;
  • 793;
  • 798 a 802;

Alteração de permissões de usuários relacionada a exclusão de propostas:

No cadastro de "Usuários"

  • Na guia Propostas, no grupo "Cadastro de Propostas", a opção "Bloquear Exclusão de Proposta (Vendedor)" foi alterada para "Bloquear Exclusão de Proposta".

Na tela de opções de "Exclusão de proposta"

  • Se o usuário possuir este bloqueio, ao tentar confirmar a exclusão utilizando as opções "Proposta" ou "Item de proposta", o sistema bloqueará a exclusão e exibirá uma mensagem ao usuário.
  • Esta validação/bloqueio só vai ocorrer ao clicar no botão "Excluir", não ao tirar o foco do campo de opção de exclusão, como anteriormente.
    • As opções "Proposta perdida" e "Item de proposta perdido" não serão bloqueadas.

Nova permissão de usuário para bloquear alterações na tela de opções de impressão da proposta.

Permissão "Bloquear opções de impressão de proposta"

Usuários > aba 'Propostas' > Bloquear opções de impressão de proposta.

  • O usuário que for marcado com a nova opção não poderá alterar as opçõesa da aba "Opções de Impressão", mas poderá imprimir com as opções pré-selecionadas no momento do acesso à tela. Outras abas estão disponíveis para edição.

Novo .KND criado para calcular de forma específica a redução do ICMS na emissão da nota fiscal de importação.

Nota de importação "com" o "RedBCICMS_NFImp.KND" ativo:

Se o item possuir redução de BC ICMS na classificação fiscal (campo "Red. Est. (%)") e no cadastro de Impostos Federais a opção "Não Reduzir Base de ICMS para Notas de Importação" NÃO estivermarcada:

O sistema aplicará o novo método de cálculo da redução:

  • "Passo 1" - Aplicar a redução na % de ICMS:
    • Alíq ICMS Reduzida := ICMSProd * (1 - Redução/100)
    • Alíq ICMS Reduzida := 18 * (1 - 51,11 /100)
    • Alíq ICMS Reduzida := 8,8002
  • "Passo 2" - Encontrar o fator a ser aplicado:
    • Fator := 1 - Alíq ICMS Reduzida /100
    • Fator := 1 - 8,8002 /100
    • Fator := 0,911998
  • "Passo 3" - Dividir a BC pelo fator pra achar a BC Reduzida:
    • BC ICMS Fator := BC ICMS / Fator
    • BC ICMS Fator := 3.673,009 / 0,911998
    • BC ICMS Fator := 4.027,431
  • "Passo 4" - Calcular a BC e o valor do ICMS:
    • ICMS Novo := BC ICMS Fator * Alíq ICMS Reduzida
    • ICMS Novo := 4.027,431 * 8,8002%
    • ICMS Novo := 354,421
  • "Passo 5" - Recalcular a Base de calculo:
    • BC do ICMS nova := ICMS Cheio / ICMS%
    • BC do ICMS nova := 351,421 / 18%
    • BC do ICMS nova := 1.969,011
  • Observações:
    • Se o item não possuir redução de BC ICMS na classificação fiscal (campo "Red. Est. (%)") ou no cadastro de Impostos Federais a opção "Não Reduzir Base de ICMS para Notas de Importação" estivermarcada:
      • O sistema simplesmente informa o valor do ICMS, sem redução de base de calculo.

Nota de importação "sem" o "RedBCICMS_NFImp.KND":

O sistema volta a usar o cálculo padrão:

Como a preferência "Desconsiderar desp. aduaneiras e outras despesas de impostos no II e total" está desmarcada:

  • "Passo 1" - Atualiza o unitário do PV acrescentando o II (Imposto de Importação):
    • TotalProd := (Unitário + (Frete / Qtde) + (Seguro / Qtde) + (II / Qtde) + (Acessórias / Qtde) + (OutrasDespesas / Qtde))
    • TotalProd := (81,7394 + (0 / 35) + (0 / 35) + (400,52 / 35) + (0 / 35) + (0 / 35))
    • TotalProd := 93,1828
    • TotalProd := TotalProd * Qtde
    • TotalProd := 93,1828 * 35
    • TotalProd := 3.261,40

Como a preferência "Taxa de SISCOMEX compõe despesas acessórias" está marcada:

  • "Passo 2" - Agora encontra a Base de Cálculo de ICMS cheia:
    • BC ICMS := (TotalProd + IPI + PIS + COFINS + RateioAduaneiras + RateioSiscomex) / (1 - ICMSItem /100)
    • BC ICMS := (3.261,40 + 0 + 60,08 + 304,68 + 0 + 46,85) / (1 - 18 /100)
    • BC ICMS := 4.479,28
  • "Passo 3" - Depois aplica a redução e encontra a "Base do ICMS Reduzida" e a "Base de ICMS Outras":
    • BC ICMS Reduzida := (BC ICMS + Frete) * (1 - Redução /100)
    • BC ICMS Reduzida := (4.479,28 + 0) * (1 - 51,11 /100)
    • BC ICMS Reduzida := 2.189,92
    • Agora a "Base de ICMS Outras":
    • BC ICMS Outras := BC ICMS - BC ICMS Reduzida
    • BC ICMS Outras := 4.479,28 - 2.189,92
    • BC ICMS Outras := 2.289,36
  • "Passo 4" - Por fim, calcula o valor do ICMS:
    • Valor ICMS := BC ICMS Reduzida * ICMS %
    • Valor ICMS := 2.189,92 * 18%
    • Valor ICMS := 394,19

  • Observações:
    • Por se tratar de uma nota de importação, o sistema não sugere o CST de ICMS conforme as rotinas normais, então pode ser que ele tenha que manipular antes de emitir a nota.

Barra de botões customizável na tela principal do Easy ERP:

Menu principal customizado

Utilizar o BarraBotoes.KND;
O usuário precisa ter um caminho de configuração de grades valido.

  • Ao logar no sistema a tela principal terá apenas a pesquisa de botões disponível;
  • Pesquise as ferramentas desejadas, ao clicar com o direito do mouse sobre uma ferramenta o usuário poderá "Adicionar Botão";
  • O sistema irá adicionar o botão numa lista abaixo da pesquisa, o botão ficará fixo para o usuário;
  • O usuário poderá adicionar quais botões quiser, personalizando esse menu da forma que preferir.
    • A barra de menus da tela principal continua existindo.

Ferramentas disponíveis

Há algumas ferramentas específicas para o menu de botões criado:

  • Excluir:
    • Exclui o botão selecionado da lista;
  • Mover para cima:
    • Move o botão selecionado uma posição acima.
  • Mover para baixo:
    • Move o botão selecionado uma posição abaixo.
  • Limpar barra de botões:
    • Exclui todos os botões.

Observações

  • O sistema salva a configuração de botões assim como salva as grades do sistema. Utiliza a mesma pasta, ou seja, cada usuário poderá ter sua própria configuração de botões.
  • Caso não tenha o "BarraBotoes.KND" na pasta, o sistema continua exibindo a barra de botões antiga.
  • Como a nova barra de botões fica no canto esquerdo o espaço disponível do papel de parede do sistema mudou, então pode ser que tenha que editar a imagem dos clientes.

Cálculo da ST na proposta levando em conta o diferimento da classificação fiscal do produto ou do parceiro.

Calculo da ST com "Diferimento":

Na Proposta o sistema precisa calcular o valor da ST levando em conta o "Diferimento".

  • Este diferimento se aplica apenas em operações dentro do estado, desde que haja a aplicação da ST no cálculo.
  • Implementamos especificamente na condição de uma Indústria vendendo para uma Revenda.
  • Ao calcular a ST por meio do MVA ajustado, o sistema irá submeter a alíquota de ICMS interna a uma função que, se o Estado for PR, aplica o diferimento sobre a alíquota, desde que haja diferimento informado, ou no cadastro do parceiro ou da classificação fiscal relacionada (nesta ordem).

Exemplo

  • Empresa do Paraná - "PR";
  • Empresa configurada como Indústria ou equiparada a indústria;
  • Proposta para um parceiro também do Paraná - "PR";
  • Proposta com Característica = Revenda;
  • Operação com substituição tributária - ST;
  • CNPJ do fornecedor do produto = CNPJ da empresa;
  • A classificação fiscal do produto precisa ter o "Diferimento ( % )""ICMS ST ( % )" e "ICMS ( % )" informados;
  • Parceiro: COPACOL -GOIERE -BARRACAO
  • Produto: CBPPH 4X2,5MM PT
  • Lembrando que a proposta mostra o valor da ST Unitária:
  • Produtos R$ 10.000,00
  • MVA 50,00%
  • ICMS 18%
  • Diferimento 50,00%
  • vICMSST := ((Unitario * (1 + IPI/100) * (1 + ICMSST/100)) * (ICMSVenda/100)) - (Unitario * (% ICMS Diferido/100))
  • vICMSST := ((10.000,00 * (1 + 0/100) * (1 + 50,00 /100)) * (18/100)) - (10.000,00 * (9 /100))
  • vICMSST := 1.800,00

Regras do DIFAL alteradas para os estados::

  • Amazonas, alterado para o Modelo 3 (Decreto nº 40.105/18).
  • Paraíba, alterado para o Modelo 3 (Decreto nº 38.928/18).
  • Rondônia, alterado para o Modelo 3 (Decreto nº 23.465/18)
  • Wiki: Cálculo de ST com diferencial de alíquota

Exemplo "Modelo 3":

Cálculo

Valor ICMS ST = Valor da Operação / (1- ((ICMS Interno/100) – (ICMS Operação/100))) - Valor da Operação.

  • Valor ICMS ST = 1000,00 / (1-(0,18-0,04))) – 1000,00
  • Valor ICMS ST = 1000,00 / (0,86) – 1000,00
  • Valor ICMS ST = 1162,79 – 1000,00
  • Valor ICMS ST = 162,79

O valor da BC ST é encontrado depois, com o seguinte cálculo:
BC ST = Valor da Operação / (1- (ICMS Interno - ICMS Operação)

  • BC ST = 1000,00/ (1-(18/100)-(4/100)))
  • BC ST = 1000,00/ 0,86
  • BC ST = 1162,79

Visualizar a tela "Estoque geral (matriz + filiais)" agora na inclusão/alteração do item do pedido de compras.

Estoques por filial (Revenda)

Esta é uma tela de visualização dos estoques (de revenda) da matriz e filiais.

  • Para que a mesma possa ser utilizada, as bases de dados da matriz e filiais devem estar instaladas em um mesmo servidor e os respectivos caminhos para estas bases (inclusive da 'matriz') devem estar configurados no arquivo estfiliais.cfg.
  • Na tela de inclusão/alteração do item do pedido de compras criamos o botão "Matriz + Filiais":
    • Ao acessar esta tela, o sistema automaticamente se conecta à cada base de dados alistada no arquivo, realizando uma consulta pelos dados do estoque de revenda.
    • O sistema exibe as quantidades: Real, Alocados e Alocados OP;

Telas que têm acesso a esta mesma funcionalidade:

  • Inclusão de item no pedido de compras (novo);
  • Cadastro de estoque;
  • Cadastro de produtos;
  • Inclusão de item na proposta;
  • Inclusão de item no PV manual;
  • Necessidade de compras.

Novidades na tela de "Parceiros de Negócios".

Novidades:

  •  Alteração da guia "Principal", afim de melhorar a organização, clareza e navegação nos campos do cadastro:
    • Acertamos os tab orders desta e demais guias;
    • Agora o sistema mostra grupos relacionados a ClienteFornecedor e Transportadora. Seus respectivos dados estão dentro do grupo.
  • 2 - Disponibilizamos um novo botão para acessar a ferramenta Relação código X Parceiro de Negócio.
  • 3 - Guia Descontos Padrões e Especiais: Agora visíveis apenas as guias "Descontos padrões" e "Contratos". As demais agora são ativáveis por KND.
    • "Descontos especiais": CLITAB_DESCESP.KND;
    • "PGC": CLITAB_PGC.KND;
    • "Acordos": CLITAB_ACORDOS.KND;
    • "Fator Moderador": CLITAB_FATMOD.KND.
  • 4 - Alteração da guia 'Descontos Padrão e Especiais' > 'Contrato':
    • A inclusão de produtos no contrato não dependerá mais de completar a edição do item através da grade. Criamos uma tela de inclusão, onde o usuário informará o valor de compra, venda, desconto, etc.
  • 5 - Omitido o campo "Logradouro" da aba Principal.
    • O campo só será exibido quando a empresa possuir o "Logradouro.KND";
  • 6 - Alterarmos os títulos dos campos "Fax" para "Fone 2".
  • 7 - Excluído a opção "Recebidos via Remotas/ESync" da guia "Filtros".
  • 8 - Tab order de todas as abas foi revisado.

Localizações alteradas:

ID

Campo/Grupo

Alteração

1

Campo Optante pelo Simples

Movido da tela principal para a tela Informações Adicionais > Fiscais

2

Grupo Informações financeiras e de cobrança

Movido da guia Informações Adicionais > Gerais para a guia Informações Adicionais > Faturamento e Pagamento

3

Campo E-mail (NF-e)

Movido da guia Informações Adicionais > Gerais para a Principal

4

Campo Bloqueado?

Movido da guia Informações Adicionais > Gerais para a Principal

5

Campo Vendedor Interno

Movido da guia Informações Adicionais > Gerais para a Principal

6

Botão Datas para cobrança

Movido da guia Informações Adicionais > Gerais para a Informações Adicionais > Faturamento e Pagamento

7

Campo Insc. Rural

Movido da guia Principal para Informações Adicionais > Fiscais

8

Campo Código Rota Entrega

Movido da guia Principal para Informações Adicionais > Gerais

9

Campo Canais

Movido da guia Principal para Informações Adicionais > Gerais

10

Grupo Comissões ("Vendedor Externo" e "Vendedor Interno")

Movido da guia Filtros para Informações Adicionais > Gerais

 

Campos específicos criados no cadastro de parceiros e nos itens do pedido de vendas.

Adição de novas informações no cadastro de "Parceiros" e "Itens de pedidos de vendas":


Esses campos serão exibidos mediante o arquivo KND: POCUSTOM.KND.

No cadastro de Parceiros:

Parceiros > aba 'Informações Adicionais' > sub aba 'Gerais' > Customer N°
P0CL.CUSTOMER_NUMBER

  • Criamos um campo alfanumérico com '15' caracteres, chamado "Customer N°".
    • O sistema permitirá que o usuário informe manualmente o conteúdo deste campo na alteração do parceiro.

Na grade dos itens do Pedido de vendas:

Pedido de Vendas > Grade de 'Itens' > Duplo clique no campo desejado: Order no in BrainInvoice no in BrainDelivery note no;
P0ITPV.ORDER_NO_IN_BRAIN, INVOICE_NO_IN_BRAIN, DELIVERY_NOTE_NUMBER

Criamos as seguintes colunas na grade:

  • "Order no in Brain"
    • Criamos um campo alfanumérico com '15' caracteres. O sistema permitirá que o usuário informe seu conteúdo manualmente com um duplo clique sobre o campo.
  • "Invoice no in Brain"
    • Criamos um campo alfanumérico com '15' caracteres. O sistema permitirá que o usuário informe seu conteúdo manualmente com um duplo clique sobre o campo.
  • "Delivery note N°"
    • Criamos um campo alfanumérico com '15' caracteres. O sistema permitirá que o usuário informe seu conteúdo manualmente com um duplo clique sobre o campo.

Observações:

  • Talvez seja necessário reiniciar a configuração de colunas dos itens do pedido de vendas.

 

Novo relatório de comissão com base na margem de contribuição:

Novo modelo de relatório de comissões: "Padrão 07 (Apuração por margem de contribuição do item)"

Criamos um novo modelo de relatório de comissões com base na apuração da margem de contribuição de cada item.
Abaixo está documentado como ativar e configurar os dados para o novo relatório, bem como a geração e conceito do mesmo:

Nova preferência do sistema "Ativar cadastro de política de comissões"

  • Criamos uma nova preferência do sistema para ativar o relatório e o cadastro de "Políticas de comissões":
    • Utilitários > Preferências do Sistema > aba 'Gerais' > Ativar cadastro de política de comissões

Com esta opção ativa, o sistema habilitará no menu "Cadastros" uma nova tela chamada "Políticas de comissões" e o novo relatório de comissões "Padrão 07" especificado mais abaixo.

Cadastro de "Políticas de comissões":

Menu 'Cadastros' > Políticas de comissões

  • Neste cadastro o sistema permitirá que o usuário cadastre as diversas "políticas" de comissionamento e suas respectivas "tabelas de comissões".
  • Essa tela possuí controle de permissão de usuários, para poder acessar o usuário precisa ter a seguinte permissão:
    • Usuários > aba 'Financeiro' > Tabela de Comissões
  • O usuário poderá informar aqui as faixas de "Margem" e alíquota de comissão para cada faixa. O Tipo será fixo como Margem, pois o relatório é baseado sempre na margem.
    • O usuário poderá cadastrar múltiplas tabelas.
  • As tabelas informadas neste cadastro somente serão aplicáveis ao novo modelo de relatório de comissões "Padrão 07" especificado abaixo.

Cadastro de "Vendedores":

Cadastros > Vendedores

  • No cadastro de vendedores criamos o campo "Política de comissões", nesse campo será informado a tabela de comissão em que o vendedor se enquadra.
  • Essa será a tabela informada ao apurar o comissionamento deste e de outros vendedores.

Relatório "Padrão 07 - (Apuração por margem de contribuição do item) - Políticas de comissões":

Menu 'Financeiro' > Comissões > Padrão 07 (Apuração por margem de contribuição do item) - Políticas de comissões

  • Nesta opção, o sistema irá exibir as mesmas opções existentes hoje para o Padrão 01, alterando apenas o cabeçalho da tela para "Padrão 07 (Apuração por margem de contribuição do item) - Políticas de comissões".
§ select 
§ p0nf.aliquotacomissao,
§ p0Nf.nota, 
§ p0nf.emissao, 
§ p0nf.empresa, 
§ p0itn.iss, 
§ p0itn.icms,
§ p0itn.qtde,
§ (p0itn.unit*(1+p0itn.ipi/100)*p0itn.qtde) as Total,
§ (p0itn.unit*(1+p0itn.ipi/100)*p0itn.baixadev) as TotalDev,
§ p0itn.custo, 
§ p0itn.descincondicional, 
§ p0itn.produto, 
§ p0itn.cfop from p0itn
§ inner join p0nf on p0nf.notarel=p0itn.notarel and p0nf.filial=p0itn.filial
§ where p0nf.comissao='Sim'
§ and p0nf.vendedor= ''
§ and P0nf.Bloco= ''
§ and p0nf.emissao >= '' 
§ and p0nf.emissao <= ''
§ order by p0nf.aliquotacomissao, p0Nf.nota, p0itn.iss, p0nf.emissao, p0nf.empresa, p0itn.cfop
  • A principal diferença na geração desse relatório fica nas opções de "Cálculo de Comissão", onde o usuário poderá optar por:
    • Faturamento:
      • Comissão Faturamento:
      • Onde o sistema se baseará sempre nas notas faturadas.
      • Script SQL:Script SQL:
§ Select p0rec.aliquotacomissao,
§ p0rec.documento, p0rec.dtbaixa, p0rec.dtvenc, p0rec.dtent, p0rec.empresa,
§ p0rec.valor, p0rec.valpago, p0rec.margem, p0nf.qtdeparc, p0nf.valoripi, p0nf.VALORICMSSUBST, p0nf.valoricms, p0nf.valoriss, 
§ p0Nf.nota, 
§ p0nf.emissao, p0nf.empresa, 
§ p0itn.iss, 
§ p0itn.icms,
§ p0itn.qtde,
§ (p0itn.unit*(1+p0itn.ipi/100)*p0itn.qtde) as Total,
§ (p0itn.unit*(1+p0itn.ipi/100)*p0itn.baixadev) as TotalDev,
§ (select sum(x.unit * (1+x.ipi/100) * x.qtde) from p0itn x  
§ where x.notarel = p0nf.notarel and x.filial = p0nf.filial) as Total_NF, 
§ p0itn.custo, 
§ p0itn.descincondicional, 
§ p0itn.produto, 
§ p0itn.cfop  
§ from P0rec 
§ inner join p0nf on p0nf.nota=p0rec.nota and p0nf.empresa=p0rec.empresa and p0rec.bloco=p0nf.bloco
§ inner join p0itn on p0nf.notarel=p0itn.notarel and p0nf.filial=p0itn.filial
§ where p0rec.vendedor = ''
§ and p0rec.comissao= 'Sim'
§ and situacao= 'Pago'
§ and p0rec.dtBaixa >= ''
§ and p0rec.dtBaixa <= ''
§ and p0rec.Bloco = ''
  • Recebimento:
    • Comissão "Recebimento":
    • Onde o sistema se baseará principalmente nos documentos à "Receber", poderá inclusive filtrar por títulos "Abertos", "Recebidos" ou "Total";
    • Script SQL:Script SQL:

Exemplo do cálculo da "Margem":

  • Fórmula:
    • Margem := ((((Total - Desconto Incondicional) * (1- (ImpostosFede. + ICMS) /100)) - Custo * Quantidade)) / Total * 100
  • Exemplo NF 12779/01:
    • Margem := ((((255,73 - 0) * (1 - (16,73 + 18) /100)) - 63,10 * 1)) / 255,73 * 100
    • Margem := 40,60
  • O cálculo da comissão será basicamente a "Alíq(%)" encontrada conforme a "margem"(Tabela de "Políticas de comissões"), aplicada sobre o valor da Base de Cálculo da nota.
    • Exemplo:
    • Base Cálculo = 255,73, Alíq.(%) = 10,00
    • 255,73 * 10% = "25,573"

Aparência do relatório

Quando da geração do relatório as colunas serão exibidas conforme sequência abaixo:

  • "Nota Nº"
    Número da Nota.
    Conforme relatório padrão 1.
  • "Empresa"
    Nome da Empresa.
    Conforme relatório padrão 1.
  • "Produto" 
    Irá exibir o código do produto para cada item da nota fiscal.
  • "Base Cálculo" 
    Irá apresentar a base de cálculo para cálculo da comissão para este item, respeitando as opções selecionadas na tela de geração do relatório.
  • "Alíq(%)"
    Será apresentada de acordo com a tabela de comissões para a margem do item na coluna "Margem" especificada mais abaixo.
  • Vínculo com "políticas de comissões": 
    Ao gerar o relatório, o sistema verificará no cadastro do vendedor a política informada para o mesmo e fará os cálculos usando as alíquotas de comissão informadas na tabela de comissões dessa política.
  • "Base x Alíq"
    Báse Cálculo * Alíq(%).
    Conforme relatório padrão 1.
  • "F. Mod"
    Fator Moderador Padrão.
    Conforme relatório padrão 1.
  • "Comissão"
    Valor calculado da comissão.
    Conforme relatório padrão 1.
  • "Emissão" ou "Data Baixa"
    Data de emissão da NF-e, caso a opção "Cálculo Comissão" seja "Faturamento";
    Data de baixa do título, caso a opção "Cálculo Comissão" seja "Recebimento".
    Conforme relatório padrão 1.
  • "Margem"
    Será apurada da mesma forma que no relatório de "Margem de Contribuição".
    Um exemplo foi destacado acima.
  • Rodapé do relatório:
    Na parte inferior do relatório, haverá uma linha totalizando o valor da comissão
< Voltar