19 3869.6161   •   vendas@origembr.com.br
suporte   •    

Update Easy ERP [2016.10.1.2]

Update Easy ERP [2016.10.1.2] Liberado em 07/10/2016

NOVIDADES

•  A metodologia para calculo de ST, quando o estado de destino for GO e o cliente for consumidor final (CFOP 6404) o sistema calculará a ST de modo diferente: 

A) VALOR DA OPERAÇÃO R$ 1.000,00
B) ICMS DESTACADO OPERAÇÃO INTERESTADUAL 4% = R$ 40,00
C) CÁLCULO DA EXCLUSÃO DO ICMS OPERAÇÃO INTERESTADUAL DA BASE DE CÁLCULO, CONSIDERANDO-SE O IMPOSTO REGULARMENTE DESTACADO NO DOCUMENTO FISCAL R$ 1.000,00 - R$ 40,00 = R$ 960,00
D) VALOR DA OPERAÇÃO SEM O ICMS OPERAÇÃO INTERESTADUAL R$ 960,00
E) BASE DE CÁLCULO DO ICMS DIFERENCIAL DE ALÍQUOTA CONSIDERANDO ALÍQUOTA INTERNA DE 18% (R$ 960,00 / 1 - 0,18) = R$ 1.170,73
F) APLICAÇÃO ALÍQUOTA INTERNA SOBRE A BASE DE CÁLCULO, CONSIDERANDO A ALÍQUOTA INTERNA DE 18% R$ 1.170,73 X 18 = 210,73
G) VALOR DEVIDO A TÍTULO DE ICMS DIFERENCIAL DE ALÍQUOTA R$ 210,73 - R$40,00 = 170,73
O mesmo acontecerá ao criar o pedido de vendas sobre a proposta.

•  Criamos uma nova permissão de usuário no Easy ERP para controlar a rotina de Suspender ordens de produção do add-on Easy Prod.
No Easy ERP > Usuários > aba 'Produção' > 'Suspender/Liberar OP' 
No Easy Prod apenas usuários com permissão específica poderão utilizar a opção "Suspender OP".


•  Criamos uma função para 'Integrar proposta de fabricação com o ordem de produção':
1 - No Easy ERP, criamos uma preferência de sistema na aba 'Propostas': "Integrar propostas de fabricação com OP";
2 - Com esta preferência ativa, ao incluir um item em uma proposta de Fabricação, no campo Opções, o sistema deverá disponibilizar ao usuário a lista de códigos de produto acabados cadastrados no sistema. Porém, ainda poderá informar uma "opção" manualmente, sem selecionar um código do cadastro. 
Se o usuário optar por um código cadastrado, o sistema assumirá a classificação fiscal do mesmo;
Se o usuário informar uma opção manual, o sistema deverá solicitar ao usuário que informe o NCM, como já ocorre hoje;
Obs.: Com a preferência ativa o sistema bloqueia as alterações da coluna Opções na grade de itens da proposta e também a opção em: clique direito > Alterar Opção. Caso o usuário queira alterar uma opção ele tem que apagar o produto e inserir novamente.
3 - Ao consolidar a proposta, o sistema validará se as opções informadas existem no cadastro de produtos, como produtos acabados cadastrados. Se alguma das opções não possuir cadastro, o sistema informará ao usuário de que não será possível consolidar e bloqueará a consolidação.
Obs.: Em relação aos campos Sub-Opção e Sub-Opção 1, os mesmos seguem inalterados, funcionando como agrupadores/filtros, como hoje.
4 - Na tela Consolidação, com esta preferência ativa, ao consolidar uma proposta de fabricação, o usuário deverá informar se o produto terá sua fabricação Própria ou Terceiro.
5 - Resetar a grade do cabeçalho da proposta para ver a coluna Fabricação por com a opção informada anteriormente.
6 - A grade da tela de inclusão de PV sobre proposta também exibe essa coluna.
7 - Ao criar o pedido de vendas vinculado a proposta:
a) Caso o usuário opte por fabricação por terceiro, ao incluir o PV vinculado à proposta, o mesmo será obrigatoriamente criado com Característica = Industrializar; 
b) Caso a opção seja fabricação própria, ao incluir o PV vinculado à proposta, o mesmo será obrigatoriamente de faturamento, onde aparecerão apenas os produtos acabados, que neste contexto, entende-se como sendo os vinculados a cada opção; Ainda neste caso, ao incluir o PV de faturamento, o sistema deverá verificar se os itens do PV possuem receita cadastrada:
Caso o item não possua receita cadastrada, o sistema deverá criar a receita do mesmo, com base nos insumos informados na proposta. O custo dos insumos deverá ser o informado na proposta (Custo Líquido). 
Caso o item já possua receita, o sistema deverá questionar ao usuário se deseja atualizar a receita com base na proposta, ou manter a receita atual.

Observações:
PV de "Faturamento" montado com Proposta de fabricação integrada, com tipo de fabricação "Própria": 
Neste caso, os itens da proposta, que seriam os insumos a ser utilizados na produção, não serão adicionados ao PV.
As "opções" serão consideradas como produtos acabados, estas sim serão adicionadas como itens ao PV. Na inclusão destes itens: 
A opção "Descrição Resumida" será obrigatória, então o sistema a atribuirá automaticamente. Isso ocorre por que, como na proposta não há descrição da "opção", o sistema atribuirá a descrição (assim como outros dados) a partir do cadastro de produtos, não da proposta;
A quantidade será a informada na quantidade da opção na proposta;
O valor total do item será a soma dos valores totais informados nos itens da opção na proposta;
O valor unitário será calculado (total/qtde);
Os valores referentes a Base ICMS ST, Valor ICMS ST, serão a soma dos respectivos valores conforme informados nos itens da opção na proposta;
Alguns dados da inclusão são obtidos na classificação fiscal vinculada ao produto cadastrado;
Certos dados, relacionados à tratativas comerciais, como rebate e outros ficarão zerados;
Como se trata de item de fabricação própria, a moeda será sempre "R$" e a cotação ficará em "1,00".

< Voltar